TM CAMPINAS
Associação de Tênis de Mesa de Campinas
Filiada à FPTM

SUNSET ACADEMIA
  HOME  << TÊNIS DE MESA  << ARTIGOS E DICAS <<

 

Por que a esponja fica molhada ao ser colada em dias chuvosos ?

Marco Jim Gui Vallin - TM Campinas

Quem tem o costume de usar cola com solventes voláteis já deve ter presenciado o seguinte fenômeno: após passar cola na esponja, esta naturalmente vai começando a secar, porém na hora de uni-la à madeira ela não adere, parecendo que está com uma camada de água na superfície. E de fato está! O adesivo da cola então não age, já que esta camada de água isola as superfícies de colagem.

O que ocorre é o fenômeno físico da condensação do vapor de água presente no ar, que é conhecido por todos!  É como no caso de viajar de carro em dia chuvoso e o vidro embaçar, ficando com uma película de água que cobre toda a superfície. O fenômeno é o mesmo.

O vapor de água presente no ar condensa quando alcança a pressão de saturação, isto é, quando no ar "não cabe mais água". Quando a umidade relativa está próxima a 100%, como ocorre em dia chuvosos ou em lugares muito úmidos, uma queda de temperatura faz o vapor dágua presente no ar condensar.  É o chamado ponto de orvalho. O curioso é o porquê de condensar na esponja e não em tudo que está no ambiente.

Há algo diferente na esponja quando é colada?
Sim. Quando passamos cola líquida, a porção volátil da cola (solvente) evapora com facilidade: passa do estado líquido para o gasoso. Repare no cheiro que fica no ar: é parte da cola que se dispersou pelo ambiente.

Na evaporação do solvente, ocorre transferência de calor entre este, a esponja e o ar próximo. Ao evaporar, o solvente (agora gás) continua à temperatura ambiente, mas a esponja resfria. Repare e confira como sua borracha fica "gelada" um pouco depois de passar a cola!   É como o suor que resfria nosso corpo: a água ao evaporar absorve calor do corpo, causando a sensação de frescor.

Como a esponja fica fria, esta absorve calor do ar que está próximo à superfície e este, por sua vez, se resfria também.  Se o ar for resfriado até que o ponto de orvalho seja atingido, o vapor dágua contido nele condensa, e se adere à esponja, formando a película de água que atrapalha a colagem.

Conhecido o fenômeno, pode-se colar a borracha em dias chuvosos evitando este inconveniente: procure lugares com boa ventilação pois a movimentação do ar, retirando a parcela resfriada das proximidades da esponja, evita a formação do orvalho.


Campinas - setembro - 2005